Porque trocar as restaurações prateadas?

Algumas pessoas ainda possuem restauração prateada em seus dentes, como a da imagem a seguir. A maioria delas tem medo de trocar essas restaurações por acharem que as resinas compostas não são tão boas, ou causam sensibilidade. Vamos antes entender as vantagens e desvantagens desse tipo de restauração.

Restauração em amálgama

Vantagens das restaurações prateadas (Amálgama)

Apesar da evolução significativa das técnicas e dos materiais restauradores estéticos, não se pode desconsiderar a grande experiencia clínica que se tem sobre o amálgama. Trata-se de um material empregado há mais de cem anos.

Além disso ele apresenta grande resistência ao desgaste, possuem facilidade de manipulação e baixo custo.

Devido a essas caraterísticas, o amálgama continuará a ser um material de escolha para restaurações de dentes posteriores em muitos países.

Desvantagens do Amálgama

Com certeza a maior desvantagem do amálgama é a estética. Mas será?

A estética é um fator cada vez mais exigido pelos pacientes e com certeza a causa de maior recusa pela utilização do amálgama. Porém essa não é sua pior característica. O amálgama não tem união a estrutura dental e isso gera alguns prejuízos:

  • Necessidade de preparos mais extensos e retentivos, muitas vezes as custas do desgaste de estrutura dental sadia.
  • Devido a sua alta rigidez e falta de adesão a estrutura dentaria a restauração funciona como uma cunha. Dessa forma as forças mastigatórias são direcionadas ao dente podendo levar a sua fratura

Outra desvantagem é a presença de mercúrio. O que ocasionou a sua proibição em alguns países como Japão e Alemanha. Apesar de não haver nenhuma comprovação científica que a presença de mercúrio nas restaurações de amálgama possam causar problemas sistêmicos.

Então porque trocar as restaurações prateadas?

Sem dúvidas quando um paciente deseja trocar a restauração é por fatores estéticos. Mas analisando de forma clinica, o motivo para realização da troca dessas restaurações é a falta de adesão a estrutura dental.

A pergunta que eu faço a vocês é a seguinte: Temos a opção de ter uma restauração estética, que sofre mais desgaste que o amálgama, mas que tem propriedades físicas e mecânicas satisfatórias (como pode ser visto em: “soluções estéticas:resinas compostas” e em “resinas compostas“) ou você prefere um material que não é estético, que pode durar 30 anos, porém que expõe seu dente a cargas que podem levar a fratura?

Para mim, prefiro fazer revisões periódicas nas restaurações de resina composta para que elas tenham longa durabilidade ao invés de esperar pela fratura do dente e precisar de restaurações mais complexas como as cerâmicas (“soluções restauradoras estéticas: cerâmicas“).

Pensou melhor e quer trocar sua restauração prateada?  Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Sorriso gengival

A maioria das pessoas querem ter dentes alinhados, brilhantes e proporcionais. Porém um fator marcante no sorriso é a quantidade de gengiva aparente. Quando aparece muita gengiva é denominado sorriso gengival

Causas

As principais causas do sorriso gengival são genéticas, podem estar relacionados a fatores musculares, fatores esqueléticos e gengivais.

Causa muscular

Quando a causa é muscular esta relacionado como a hiperatividade do músculo levantador do lábio superior e depressor do lábio inferior. A amplitude e exposição da gengiva no sorriso gengival alto depende da atividade muscular dos músculos labiais. Os músculos responsáveis pelo levantamento e fechamento dos lábios possuem movimentos mais amplos que o normal. E o resultado é a maior exposição das gengivas ao falar e sorrir, típicos do paciente com sorriso gengival ou sorriso alto.

O lábio superior curto e fino, ou retraído, é a segunda causa mais comum para o sorriso gengival alto. Nesses indivíduos, o selamento dos lábios superior e inferior, quando em repouso, não é eficiente – em outras palavras, os lábios fecham na posição de repouso e relaxamento. Esta é a situação mais desafiadora no tratamento do problema.

Causa esquelética

Quando relacionada a fatores esqueléticos é o crescimento desproporcional dos ossos maxilares. A altura do osso maxilar é maior comparada a indivíduos normais. É uma situação complicada porque a correção cirúrgica precisa de exames precisos, como a tomográfia, para análises da quantidade de osso sob gengivas.

Para muitos desses indivíduos pode ser necessária a gengivectomia – remoção de osso e gengiva para o desenho correto dos zênites gengivais. Já para os casos mais simples a cirurgia gengival de remodelamento da gengiva sem envolvimento ósseo (gengivoplastia) é suficiente para equilibrar e harmonizar o sorriso

Causa gengival

E, quando relacionado a fatores gengivais é o crescimento exagerado das gengivas sobre os dentes (falso sorriso gengival). Medicações, hábito de respirar pela boca, inflamações gengivais, higiene oral deficiente em pacientes com aparelho ortodôntico ou a genética são os principais responsáveis pelo crescimento exagerado das gengivas (hiperplasia gengival) sobre os dentes.

O sorriso gengival é mais frequente em mulheres, e pode prevalecer em até 10% dos indivíduos na faixa dos 20 aos 30 anos.

Com o tempo esse desconforto estético pode diminuir devido a contínua perda do tônus dos músculos labiais e o aumento progressivo da flacidez dos tecidos da face. Fazendo com que os lábios “desçam” e escondam parte da gengiva exposta em excesso.

Tratamentos

Cirurgia da gengiva

Tem como objetivo aumentar o comprimento dos dentes através da cirurgia plástica periodontal nos dentes anteriores superiores, localizando a gengiva superiormente. A posição é determinada para que fiquem próximos ou abaixo dos lábios durante o sorriso.

Cirurgia de reposicionamento labial

A cirurgia reposiciona a parte interna dos lábios superiores mais próximas (inferior) aos dentes. Isso permite um travamento dos músculos e lábios durante o sorriso, evitando que os lábios subam exageradamente. O pós-operatório requer 5 dias de repouso ao paciente.

Toxina botulínica para correção do sorriso gengival.

A toxina botulínica está indicada nos casos aonde a hiperatividade muscular dos lábios é a causa do sorriso gengival. É uma alternativa para a cirurgia de reposicionamento labial porque age na mesma causa do sorriso gengival, embora os resultados sejam diferentes.

O Botox impede o musculo de contrair-se e esse bloqueio é temporário e dura entre 3 a 6 meses.

Aplicação de Toxina Botulínica para sorriso gengival

O sorriso gengival te incomoda?  Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Como remover o preenchimento?

A maioria das pessoas ficam inseguras de realizar um procedimento estético por não saberem como será o resultado. Ou então, por medo de complicações durante o tratamento. Mas você sabia que, caso o preenchimento seja realizado com ácido hialurônico, esse procedimento pode ser revertido?

Pequeno nódulo no lábio inferior após preenchimento com ácido hialurônico

É possível reverter o preenchimento com ácido hialurônico através da aplicação de uma enzima chamada hialuronidase. Trata-se de uma enzima que o nosso próprio corpo produz.

Como funciona a Hialuronidase?

O ácido hialurônico é uma substância naturalmente degradável pelo organismo em um período de 12 a 18 meses. Essa enzima acelera sua degradação. Age diminuindo a viscosidade intercelular e aumenta temporariamente a permeabilidade e absorção dos tecidos.

A administração injetada da hialuronidase tem ação imediata, com duração variável entre 24 a 48 horas.

Em alguns casos onde o paciente não deseja a remoção completa do preenchimento pode se realizar a aplicação de cremes contendo a Hialuronidase. Sua ação é mais demorada e gradativa, levando algumas semanas para obter o resultado desejado.

Não há necessidade de esperar uma quantidade específica de tempo após o preenchimento para receber o tratamento. O produto pode ser administrado logo após o procedimento.

Efeitos adversos da Hialuronidase

Os efeitos adversos após uso da hialuronidase são raros, transitórios e mais frequentemente relatados no local de aplicação.

Os sintomas são principalmente locais, com edema, calor, eritema, prurido e dor, que responde ao uso de corticoide orais e anti-histamínicos.

Se sentiu mais seguro para realizar o preenchimento com ácido hialurônico?  Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Resinas compostas

Na era das lentes de contato dental devemos lembrar que a resina composta é um material extremante seguro e eficaz para muitos casos. Apesar de existirem alguns casos que apenas o tratamento restaurador indireto pode ser aplicado, com vimos em “Soluções estéticas: cerâmicas”, ainda existem muitos casos que estão sendo sobre tratados por esses materiais.

Fechamento de diastema com resina composta

Mitos da resina composta

Infelizmente, a performance clinica inicial das resinas compostas em dentes posteriores foi frustrante. As qualidades apresentadas por estes materiais quando usadas em dentes anteriores foi prematuramente transferidas para a dentição posterior.

O material aplicado aos dentes posteriores apresentava inadequada resistência ao desgaste, infiltração marginal, cárie secundária e falta de contato proximal. Este fato fez com que alguns dentistas, ainda hoje, considerem a resina composta um material de propriedades ruins.

Porém, estes materiais e os procedimentos envolvidos para o seu manuseio passaram por grandes mudanças o que contribuiu para tornar o seu uso em dentes posteriores cada vez mais freqüente e indicado.

Com o aprimoramento das técnicas e as melhoras nas propriedades físico-mecânicas, principalmente em relação ao desgaste sofrido por estes materiais e o desenvolvimento de sistemas adesivos efetivos terminaram por reduzir a microinfiltração marginal e a sensibilidade pós-operatória.

Atualmente, as resinas compostas são a primeira escolha devido à sua técnica relativamente simples, ao seu baixo custo, ao seu índice de sucesso clinico satisfatório quando uma técnica apropriada é utilizada e devido a sua técnica minimamente invasiva.

Porque escolher a resina composta?

Os procedimentos restauradores diretos apresentam a vantagem de não necessitar de etapas laboratoriais para a conclusão do trabalho.

Esse material pode ser empregado tanto em dentes posteriores como em dentes anteriores. Visam reestabelecer a forma, a função e a estética dos elementos dentários.

Devido as novas técnicas adesivas e ao conceito de preservação dental em muitos casos conseguimos realizar o procedimento sem desgaste da estrutura dental. O que não é possível quando realizamos tratamentos em cerâmica.

Outra vantagem é que a vasta gama de cores da resina composta possibilita que possua características semelhantes a estrutura dental. Tais como textura, cor e brilho.

Porém, o sucesso clínico depende da técnica restauradora empregada, das habilidades técnicas do dentista e do material empregado.

Você possui uma restauração que ainda é de metal e gostaria de trocar? Gostaria de melhorar a estética dos seus dentes?  Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Você sabe o que é DENTÍSTICA?

A dentística é uma especialidade que todo dentista acha que sabe fazer. Que os pacientes, muitas vezes, não sabem de sua existência. E que na maioria das vezes é resumida como Odontologia Estética.

A especialidade além da estética

Conceito de Dentística

É uma especialidade da odontologia que estuda e aplica de forma integrada o diagnóstico, tratamento e prognóstico dental.

Os tratamentos preventivos ou restauradores devem resultar na manutenção e no restabelecimento da forma, função e da estética. Mantendo, ainda, a integridade fisiológica do dente em relação harmônica com a estrutura dental remanescente, os tecidos moles (gengiva, língua e bochecha) e o sistema estomatognático (músculos da mastigação, por exemplo).

Dentística tradicional

Ao longo dos séculos, a doença cárie foi predominantemente tratada em um modelo restaurador. Resumia-se a diagnosticar a lesão de cárie, a remoção do tecido cariado e a confecção da restauração.

Estabeleceu um “receita de bolo” para se tratar uma doença infectocontagiosa. Com o passar dos anos observou-se que esse modelo era um fracasso. Isso porque tratava todos os pacientes da mesma forma.

Esse modelo criou o ciclo restaurador repetitivo. Ou seja, cada vez que surgia nova lesão de cárie naquele paciente mais estrutura dental era desgastada, levando a crença popular de que todo idoso um dia iria ficar sem os dentes.

As evidências do fracasso da proposta restauradora tradicional associado à evolução do conhecimento da etiologia e do diagnostico da doença cárie e periodontal (gengival) e o desenvolvimento de técnicas e materiais restauradores adesivos geraram o questionamento dessa prática e o surgimento de uma dentística preventiva com atuação abrangente.

Dentística atualmente

O profissional que atua na área de dentística necessita ter um conhecimento a respeito dos mecanismos envolvidos na atividade da doença cárie e periodontal para que possa atuar de maneira adequada no que se refere à prevenção.

Na nova odontologia o foco é preservar estrutura dental, ser minimamente invasivo, evitar o ciclo restaurador repetitivo.

Outro aspecto fundamental é a necessidade de realizar uma manutenção periódica, preventiva. Visando auxiliar na saúde bucal do indivíduo quanto para proporcionar melhor prognostico para as restaurações que houveram a necessidade de serem executadas.

Essa visão moderna de atuação faz com que o profissional vinculado à dentística tenha um papel cada vez mais significativo para a pratica de uma odontologia de qualidade.

Você sabia como essa especialidade era abrangente? Gostaria de fazer uma avaliação e planejamento segundo a nova visão da odontologia? Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Lipo de Papada

Quem nunca ficou incomodado com aquela papada? Ou com a sensação de ter queixo duplo? Esse tratamento veio para eliminar esse desconforto e visa a diminuição da gordura submentoniana (conhecida popularmente como “papada”ou “queixo duplo”). 

O procedimento consiste na aplicação de uma substância denominada ácido deoxicólico (Deoxycholic Acid – substância aprovada pelo FDA – Food and Drug Administration) na região da gordura submentoniana. Essa substância é uma molécula existente naturalmente em nosso organismo, derivada dos ácidos biliares e com ação conhecida em emulsificar a gordura.

Região de aplicação do ácido deoxicólico

A aplicaçao injetável deste ácido é uma forma sintética, cuja ação principal será a redução da gordura presente no local e pequena reação inflamatória local.

O processo de reparação da inflamação local produz diminuição da flacidez. Lembrando que ação do ácido deoxicolico é local e não há reação sistêmica. 

O resultado do tratamento é variável, de acordo com o metabolismo de cada paciente. Portanto o número de sessões da aplicação do ácido também é variável e será definido durante o tratamento.

Pós tratamento de lipo de papada

Havera uma pequena inflamacao no local, portanto pode ocorrer:

  • Vermelhidao;
  • Coceira;
  • Dormencia;
  • Edema (inchaco);
  • Equimose (mancha roxa).

Por se tratar de uma inflamação deve-se evitar todo e qualquer procedimento anti-inflamatório local, como uso de medicamentos, pomadas e gelo. A utilização de qualquer um desses métodos irá diminuir o efeito esperado do tratamento.        

Drenagem linfática, laserterapia e massagem local podem ser feitas somente após 72 horas do procedimento.

Contra – indicação da lipo de papada

     Apresenta como contraindicações: gravidez, bócio tiroidiano e infeções no local. 

Ainde tem dúvidas sobre a lipo de papada? Quer realizar seu tratamento com segurança e resultados? Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Recomendações pós preenchimento

O preenchimento com ácido hialurônico pode ser realizado por inúmeros motivos e em diferentes regiões. Geralmente esta relacionado ao envelhecimento e ao surgimento de rugas, como mencionado no nosso outro post sobre “Soluções para os sinais do envelhecimento” ou “Preenchimento Labial – Rejuvenescimento“.

Características do ácido hialurônico

O ácido hialurônico é encontrado em todos os seres humanos, animais e em plantas. Os produtos utilizados para harmonizar o volume facial, ou preencher sulcos, são resultantes de fermentação biológica, sendo altamente purificados e hipoalergênicos.

O produto é injetado por meio de seringa e cânulas estéreis, em profundidade adequada, na pele, aumentando o turgor da pele e/ou o volume da face.

Cuidados necessários pós preenchimento com ácido hialurônico

  • Não massagear os locais de aplicação
  • Não deitar sobre a área tratada por 12 horas
  • Evitar exposição solar e exercícios físicos por 7 dias
  • Evitar usar força facial durante a mastigação por 48 h
  • Quando fizer preenchimento dos lábios: evitar bebidas quentes, usar batom e beijar por 48 h.

Efeitos colaterais

Como todo procedimento injetável podem ser observadas equimoses no local na punctura, nódulos e edemas. Alergias e rejeições também podem ocorrer.

Pequeno hematoma na região da entrada da agulha de preenchimento

Em raríssimos casos há risco de necrose tecidual nos pontos aplicados, que pode ser tratado com aplicação de hialuronidase (enzima facilitadora da difusão de líquidos injetáveis). 

Essa enzima também pode ser aplicada em casos no qual o paciente não gostou do resultado obtido com o tratamento.

Duração do efeito do ácido hialurônico

A duração do tratamento depende da região a ser tratada e das características do produto utilizado.

De uma maneira geral a visualização do resultado pode ser considerada como 4 semanas para hidratação da pele, e de 6 meses a 18 meses para produtos de preenchimento e revolumização. Cada pagamento contempla somente uma aplicação e uma eventual reaplicação, caso esta seja feita em tempo inferior a um mês.

Ainde tem dúvidas sobre o tratamento com ácido hialurônico? Quer realizar seu tratamento com segurança e resultados? Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Recomendações pós aplicação de toxina botulínica (Botox)

A toxina botulínica, como mencionada anteriormente, tem o intuito de reduzir parcial ou totalmente a contração muscular da região aplicada ou causar um efeito analgésico.

A quantidade de aplicações é definida pelo profissional de acordo com as expectativas do tratamento e sempre em uma única sessão

A utilização de toxina botulínica para reduzir as marcas de expressão no rosto é o tratamento mais comum e procurado. Apesar de existir inúmeros outros tratamentos que podem ser realizado. 

Resultados esperados da toxina botulínica

Em geral, os resultados são muito bons. Porém, este resultado depende da resposta de cada paciente.

As rugas estáticas, aquelas que aparentes sem movimento da face, não são eliminadas com uso da toxina. Essas rugas requerem tratamento complementar, como preenchimento facial.

As rugas Dinâmicas, aquelas que só se mostram durante a mímica, são muito atenuadas, mas nem sempre completamente elimindas. Isso vai depender da quantidade de rugas e da idade do paciente.

O que fazer depois da aplicação?

A aplicação da toxina é realizada com agulhas bem finas e pequenas, porém, em alguns casos pode aparecer pequenos hematomas. Sendo assim o paciente deve aplicar Reparil de 4/4 horas. Esse procedimento visa única e exclusivamente acelerar o desaparecimento do hematoma.

A toxina botulínica é diluída em soro, e portanto é liquida. Uma vez injetada, ela se une a proteínas dentro dos neurônios musculares. Impedindo a liberação de substâncias que contraem o músculo. Porém, essa reação não é imediata, e por isso o paciente não pode se deitar ou abaixar a cabeça por no mínimo 4h. Dessa forma irá impedir a movimentação do liquido dentro do músculo, e evitar que ele atinja áreas não desejadas no tratamento.

Outra recomendação é que o paciente não realize nenhuma atividade física e evite a exposição solar no período de 24h. Essas precauções evitam que a toxina atinja áreas indesejadas e que se realize excesso de movimentação no músculo em que esta sendo tratado.

Quer previnir as marcas do envelhecimento? Ainda ficou com alguma dúvida com relação ao o que fazer após a aplicação?  Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Você conhece sensibilidade dentinária?

Nos já conversamos sobre sensibilidade no clareamento e como os hábitos saudáveis podem interferir na sensibilidade dos seus dentes. Mas essa semana a dentista, química, mestre e PhD em macromoléculas. Além de ser minha inspiração como inteligência e minha amiga Livia Menezes, irá conversar sobre a sensibilidade dentinária.

Livia Menezes, minha musa da inteligência

O que é a sensibilidade dentinária?

Sabe aquela dorzinha chata que você sente quando come um sorvete ou toma um café quentinho? Quando come um doce ou algo ácido?

Ela pode vir da sensibilidade dentinária.

Como a sensibilidade ocorre?

A sensibilidade dentinária ocorre quando há de alguma maneira a exposição do tecido dentinário na cavidade oral.

Em geral, esse tecido deve estar recoberto pelo esmalte, cemento e pela gengiva. Mas em algumas condições este pode culminar por ser exposto.

Esse tecido contém canais que quando na presença da mudança de pH ou temperatura geram um estímulo doloroso agudo e de curta duração que pode incomodar bastante.

Essa condição pode ser fisiológica, advindo de um problema de uma adequada cobertura da dentina. Sendo algo próprio da anatomia de algumas pessoas.

Entretanto ele pode ter outras causas de exposição. Que incluem: retração gengival, doença periodontal, bruxismo, existências de trincas e fraturas, restaurações má adaptadas, uso de cremes dentários muito abrasivos entre outros.

Como passar a sensibilidade?

O alívio da sensibilidade dentinária pode ser conseguido com uso de pastas dentárias e enxaguatórios específicos para dentes sensíveis. E técnicas de consultório que podem aliviar muito e melhorar o dia dia de quem sofre com essa condição.

Essas pastas e enxaguatórios depositam ions como cálcio e flúor que recobrem o tecido exposto evitando que haja o estímulo de dor a esse tecido.

Mas, o tratamento correto dependo do diagnóstico bem feito da origem dessa sensibilidade.

Algumas vezes tratar essa condição requer a troca de restaurações, tratamento gengival ou tratamento para reduzir hábitos como bruxismo. Não podendo ser resolvidos apenas com uso de pastas específicas para dentes sensíveis.


Você sofre com sensibilidade nos dentes? Gostaria de obter um diagnóstico mais preciso e um tratamento mais adequado a causa dessa semsibilidade?   Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa

Atendimento odontológico especial para você

Você já se perguntou o que era necessário para ter um atendimento totalmente personalizado?

Sim… aqui o seu atendimento é individualizado. Você não é mais um na multidão! Você não senta na cadeira, contamos o número de cáries e te passamos o preço… Aqui você é único, assim como seu sorriso!

Essa semana nosso convidado é o especialista em odontopediatria, João Victor Frazão. Atualmente aluno de mestrado na USP. E ele fez um check list para você entender o porque pra gente você é único!

Especialista em odontopediatria João Victor Frazão

Antes do paciente chegar no consultório

  • A experiência do nosso cliente começa no momento em que ele entra em contato com a clínica. Até antes de conhecer o dentista;
  • Boa estratégia de marketing digital. Ou seja, nosso marketing visa te dar conteúdo para escolher o que você considera o melhor para você.
  • Telefone bom, boa conexão com internet, bom treinamento para sua secretária. O que dizer da nossa secretária que ainda é minha mãe? 

Consultório com ambiente confortável

  • Sala de espera e consultório devem ser aconchegantes; (estamos sempre nos aprimorando para que sua experiência seja a mais confortável – veja a imagem dos nossos travesseiros, e para os mais friorentos temos mantinha)
  • Cadeiras e poltronas confortável;
  • Cores e decoração em geral que constroem um ambiente tranqüilo e amigável;
  • Livros ou revistas dispostas para quem está na sala de espera; (além de muito bate-papo com a mestre de cerimonias Dona Fátima)
  • Músicas são bem vindas, as cuidado com o volume… (nossa playlists é escolhida pela paciente)
Tudo personalizado para você

Atendimento exclusivo

  • Atendimento com profissionalismo, e ao mesmo tempo, como se estivesse em casa;
  • O equilíbrio destes dois aspectos vai garantir que seu atendimento tenha diferencial.

Atendimento de olho na tecnologia

  • Ter páginas nas redes sociais, com conteúdo ativo, é o primeiro passo.
  • Sempre respondemos os comentários, curtimos e compartilhamos suas postagens nos marcado, pois isso é o que faz nosso trabalho mais prazeroso;
  • A fidelização do paciente se inicia exatamente neste bom relacionamento

Você encontra tudo isso em único lugar? Com a gente posso te garantir que sim! e Caso algo não saia dessa forma, porfavor me avise para estar cada dia melhor para vocês!  Agende sua consulta conosco, tire suas dúvidas e iremos juntos propor o melhor tratamento para a sua necessidade.

O nosso cartão de visita é o seu sorriso!
“Brilhe como um diamante”
Drª. Isabel F. Barbosa